top of page

Os resultados de uma empresa são reflexos de sua cultura organizacional


O Grupo Mostra de Ideias (GMI) é feito por – e para – pessoas. E são as pessoas que atuam conosco, sejam os colaboradores ou clientes, os grandes responsáveis por moldar a cultura organizacional da agência. Essa é a nossa essência e vem sendo assim desde o início, há mais de 13 anos.

E uma pessoa de destaque para o GMI, que está conosco desde que abrimos o ambiente físico e vem acompanhando todo o processo de crescimento, é Bruno Benite. Nosso parceiro mais antigo e que teve um papel fundamental no desenvolvimento da agência.

“É um grande prazer fazer parte da história do GMI desde que o escritório foi aberto aqui em São Paulo. O Grupo Mostra de Ideias já possui muita história e trabalho”, destaca Benite. “Poder auxiliar a empresa a construir uma nova etapa, ajudando no desenvolvimento da cultura e obviamente, crescendo em conjunto com todo o time, é algo bem especial para mim”, acrescenta.

Por termos as pessoas como norte, a cultura organizacional do GMI está em constante evolução. Cada colaborador ou parceiro que passa por aqui contribui para que nosso ambiente esteja em constante melhoria, trazendo novos olhares para se somarem à nossa diversidade.

Vejo que esse é o grande diferencial da nossa empresa: conseguir incorporar o melhor de cada um e estar sempre almejando mais alto. Tanto que os resultados obtidos e os projetos desenvolvidos durante todo esse tempo provam que nosso processo está sendo assertivo, além de ajudar a transformar a vida das pessoas.

“Acredito que o maior diferencial na evolução do GMI é a forma como tratamos as pessoas”, opina o parceiro. “A começar pelos processos internos, em que procuramos ter o maior diálogo possível com todos para unir e fortalecer a equipe, até chegar no atendimento próximo e diferenciado com o nosso cliente’, ressalta.

“Sempre soubemos que as pessoas são o diferencial da nossa área e entendemos, logo cedo, que tê-las próxima de nós, seja com relação aos clientes ou colaboradores, seria o nosso grande destaque”, completa Benite, que entrará em setembro no processo de trainee para cargo de direção, de acordo com seu plano de carreira.

Bruno é um exemplo, representando o que acreditamos no GMI. Ele passou por todas as áreas da empresa, começando como estagiário e passando por assistente até chegar ao cargo atual, como líder de área. Seu crescimento conjunto e colaboração diária com nossos processos refletem os princípios que zelamos em nossa cultura.


"Uma empresa sem cultura organizacional é uma organização sem propósito. Temos muito enraizado no GMI o valor das pessoas, além da proximidade e parceria com cada uma delas. Isso faz com que tenhamos um propósito de evolução pessoal muito grande, que fortalece nossa cultura e nos auxilia a alcançar os nossos objetivos”, afirma o head.

São esses hábitos e valores cultivados no ambiente de trabalho que fazem com que nossa cultura organizacional exerça grande influência sobre o trabalho realizado. É o que fundamenta nossa atuação e que determinou nossa evolução desde o início. Sempre foi assim e continuará sendo.

Por tudo o que ele significa para o GMI, escolhi Bruno para ser o primeiro a iniciar uma série mensal de artigos aqui no meu perfil. Trarei diferentes parceiros e parceiras, cada um com sua contribuição única para a cultura da empresa, para apresentar as diversas áreas do Grupo. Faço aqui um agradecimento especial a todos que contribuem conosco ao aceitar os desafios impostos pelo nosso projeto!


Rodrigo Bernardino, CEO do Grupo Mostra de Ideias e Bruno Benite, Head de Comunicação.


6 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page