• Equipe de Conteúdo GMI

Gestão de empresas é prioridade no pós-pandemia

Empresários falam sobre importância de gerir empresas em períodos de crise


De acordo com estudo conduzido pela Confederação Nacional de Transporte (CNT), devido a pandemia do novo coronavírus, 48,1% das empresas de transporte rodoviário de cargas classificam como ruim a situação das empresas. Paralelamente, 37% apontam que a expectativa é de melhora ou continuidade do cenário.

Seja em contexto de crise ou não, a gestão empresarial é vital para manter uma empresa funcionando. Apenas fluxo de caixa e faturamento não sustentam uma estrutura empresarial. A pandemia do novo coronavírus colocou isso ainda mais a prova. De acordo com o membro do conselho administrativo da Transita Transportes, Andre de Simone, a postura proativa de um gestor precisou ser reforçada nesse momento de crise. “É um desafio diário conciliar a gestão com as várias outras atividades. Brinco muitas vezes que o papel do gestor é de apagar fogo. Todos os problemas que vão surgindo durante o dia vamos resolvendo da melhor forma possível. Nós conhecemos bem de perto o funcionamento de toda a empresa, então acabamos por assumir alguns papéis importantes principalmente nessa fase de crise. Temos que ter atitudes rápidas para poder vencer todos os desafios do dia a dia nessa época tão complicada que estamos vivendo.”

O diretor da Costa Teixeira Logistics, Marcos Teixeira viu na crise uma oportunidade para repensar questões estruturais da empresa. “Estamos passando por um momento que ninguém imaginava passar. As coisas vão acontecendo e todo dia você chega na empresa, sendo recebido por algo completamente novo para resolver. Cada crise que acontece, nós acabamos olhando para dentro da empresa e melhorando alguma coisa. Olhamos internamente e vamos ajustando os processos. As crises podem desempenhar um papel reflexivo, porque quando está tudo bem, pensamos em aumentar faturamento e quando a crise chega vemos que não pensamos em outros detalhes. Acho que temos que utilizar esses momentos para repensar alguns procedimentos e maneiras de trabalhar internamente”.

Em concordância com Teixeira, a diretora da Ouro Negro, Prisicila Zanette, diz ver a chance de crescimento tanto empresarial quanto pessoal. “Acho que toda crise vem para o crescimento. Todo ganho que temos em processos e otimização, nós crescemos como pessoa e como empresa. A crise nos traz oportunidades, principalmente a que estamos vivendo. Conseguimos olhar para dentro e automatizar processos. Olhar internamente e ficar mais atentos. Eu estou enxergando a empresa hoje com muitas oportunidades internas para buscarmos melhorar a qualidade para quando voltarmos, voltarmos com tudo.”

O bom funcionamento e desempenho de uma empresa depende de alguém que saiba gerir seu negócio. O cenário de pós-pandemia, na visão dos empresários do transporte, se mostra preparado para lidar com possíveis percalços no futuro.


(Divulgado 03/10/2020)





CONTATO

Francisco Luiz de Souza Jr., 398

São Paulo, SP - 05037-001

​​

Tel: (11) 3641-7860 I 2361-0957 I 2661-0956

WhatsApp: (11) 94820-4812 I 98260-9162

contato@mostradeideias.com.br

comunicacao@mostradeideias.com.br

conteudo@mostradeideias.com.br

imprensa@mostradeideias.com.br

Nome *

Email *

Assunto *

WhatsApp *

Mensagem *

  • Black Facebook Icon
  • Black Twitter Icon
  • Black Instagram Icon
  • Black YouTube Icon
  • Black Google+ Icon

© 2023 por RBS. Criado orgulhosamente pela Equipe de TI do GMI.